Depilação de buço – vale a pena saber

Por 16 / 06 / 2012

Depilação de Buço… Sabe aqueles pelinhos, o temível “bigodinho”, vivem te incomodando? O terror das mulheres está com os dias contados. Hoje, há diversas formas para eliminar o buço: com cera, folhas ou creme depilatório, o importante é saber a maneira correta de depilar para não correr o risco de ter queimaduras, manchas ou foliculite (reação causada por bactérias que pode ocorrer por falta de limpeza no local antes da depilação).

Os métodos da depilação de buço

As ceras ou cremes depilatórios são ótimas alternativas para depilação do buço (e existem opções exclusivas para o rosto, já que a região é mais sensível), porém os cremes removem os pelos superficialmente e as ceras fazem a remoção dos pelos com a raiz. No caso de ceras, boas opções são as folhas prontas de cera fria ou a cera quente.

Tempo

Os intervalos entre uma depilação e outra podem variar de 15 a 30 dias – mas depende da necessidade e do crescimento dos pelos.

Dicas sobre depilação de buço.

Os intervalos entre uma depilação e outra podem variar de 15 a 30 dias

Previna-se!

Na depilação do buço, podemos nos deparar com as seguintes situações:

  • A foliculite é uma reação causada por bactérias que pode ocorrer por falta de assepsia do local antes da depilação ou quando, após a depilação há aplicação de maquiagem no local ou uso de cremes inadequados. Para evitar a foliculte, é necessária a higienização da pele com a loção e, depois de terminada, aplicar um produto específico para uso pós depilação e evitar ficar passando a mão no local depilado, para evitar contaminação de bactérias presentes nas mãos.
  • As manchas podem ocorrer se for utilizada cera muito quente ou se a pessoa se expor ao sol logo após a depilação sem utilizar um protetor solar. Fique atenta à temperatura da cera quente: preste atenção na consistência que ela apresenta é um bom parâmetro para identificar se está numa temperatura agradável ou não. Por exemplo: se a cera estiver muito líquida, ela estará muito quente e poderá causar queimaduras, além de manchas.
  • Pode ocorrer a queimadura por atrito que nada mais é que uma lesão causada devido a várias aplicações da cera na mesma região. Para evitar esse tipo de lesão, recomenda-se não realizar mais de duas aplicações da cera no mesmo local, para não agredir a região.

Cuidados com o sol depois da depilação

Após a depilação de buço, não deve ser feita longa exposição ao sol, como, por exemplo, ir à praia ou piscina num período inferior a três dias após a depilação. Em casos de exposição rápida, como ir ao trabalho, deve-se sempre aplicar um filtro solar para proteger a região, pois o processo  depilatório remove a camada protetora da pele, deixando-a vulnerável a manchas.

Um abraço,

thais

Jornalista e analista de redes sociais. Adora marketing, web e a área de beleza e saúde – e de escrever sobre tudo isso! Nas horas vagas, praticante de dança do ventre. Quer saber mais? facebook.com/thaisanzolin

Confira todos os artigos de AUTOR
Seja o primeiro a comentar em Depilação de buço – vale a pena saber
Deixe seu comentário:





Procurando algo?

Assine nossa newsletter

Instagram