Série: Marcas de Batom II

Por 27 / 05 / 2011

CAPÍTULO 2: Ela é mais bonita que eu!

É sempre assim. S-E-M-P-R-E. Eu fico ali, horas na frente do espelho, escolhendo carinhosamente a maquiagem pra combinar com a roupa, me enfeitando, caprichando no visu para me sentir terrivelmente baranga dois passos depois de sair de casa. Sério! Eu olho pra fora do portão do prédio e avisto imediatamente mulheres mil vezes mais atraentes!

To gorda. Minha pele parece o sertão, seca e com crateras. Meu cabelo podia ser vendido no mercado pra varrer rua e… e… DEUS DO CÉU! Como faz falta um photoshop da vida real, né? Então caminho de cabeça baixa, morrendo de vergonha de não parecer uma capa de revista masculina ambulante e pensando em criar uma categoria de mulheres-animais, já que fruta já saturou – e me candidato imediatamente pro cargo de mulher-boto.

Nem um único sorriso me escapa no cantinho do lábio bonitinho que mamãe e papai me deram. Quanto desperdício, penso, olhando meu reflexo pelo vidro do ônibus, com o pensamento longe e Lady Gaga no mp3. Eu tenho lábios bonitos, e talvez alguém já tenha reparado nisso, mas eu ando sempre de cabeça baixa, fica bem difícil alguém notar de verdade.

É, pois é… espera! – Uma lâmpada acesa sobre minha cabeça agora – de quem eu estou me escondendo afinal? Das mulheres bonitas que eu não posso concorrer? Mas… não são elas que eu deveria querer impressionar! Aliás, eu sei bem quem eu deveria querer impressionar: EU MESMA.

Peito pra frente, bunda pra trás, nariz empinado, lábios “presente de Deus” expostos ao mundo. Abram alas, estou passando. E dessa vez ninguém me segura. Se ele, ELE, preferir ela, porque é mais bonita que eu, azar o dele, feliz daquele que tiver a sorte de ter uma mulher como eu em sua vida. E tenho dito.

 

MayaFalks

Redatora publicitária, escritora, roteirista, colunista e mulher vaidosa nas horas vagas.
Sugira temas para essa coluna!
Contato: maya.soudiva@gmail.com
Twitter: http://twitter.com/MayaFalks
Site: www.mayafalks.blogspot.com

 

Helen Rauen

Relações Públicas, bancária e auto-maquiadora nas horas vagas. Perfeccionista, consumista, chef de sua própria cozinha e com uma pitada de artesanato na veia.

Confira todos os artigos de AUTOR
1 Comentário em Série: Marcas de Batom II
  • Pauline disse:

    Tava começando a ficar deprimida com o texto, mas valeu ler até o final ;D é isso aí mesmo. Depois que o pensamento muda, tudo ao redor muda também. Ótimo texto!

  • Deixe seu comentário:





    Procurando algo?

    Assine nossa newsletter

    Instagram