Tédio de menos: Saúde mental a mais

Por 08 / 09 / 2011

Já sofreu de tédio? Quem é que não, não é mesmo? E o que você fez pra se livrar dele? Ou será que não fez nada? O tédio é um dos nossos piores inimigos, leitora. Mais do que o incômodo “não ter nada para fazer”, ele representa uma parada total na capacidade produtiva do nosso cérebro. Bilhões de neurônios simplesmente cuidando de nossas funcionalidades orgânicas, nenhum criando, pensando, lembrando. É aquela hora (normalmente do domingo) que você sente a mente dando giros em falso, tentando ter uma ideia brilhante de algo para se distrair, mas sem encontrar nada. A maioria finalmente desiste de tentar e se entrega à cama, ou à televisão.

tédio

Como evitar o tédio?

Pois faça essa cabeça trabalhar, menina! Nada de se enfurnar em casa com uma tromba de todo tamanho – e nada de pegar tarefa de trabalho para fazer, também. Temos umas boas sugestões que podem transformar seu dia tedioso em um dia produtivo e relaxante.

1-      Passear. Não precisa nem ser prática esportiva, só dar uma volta, mesmo! Calce um sapato confortável e vá dar uma olhada nos parques (se houver na sua cidade), na praia, no shopping, nas lojas do centro. Só essa saída calma e despretensiosa já dá material para o cérebro trabalhar. Observar as coisas em detalhe e com tranquilidade inclusive pode ajudar na criatividade. Lembre-se que a maioria das grandes ideias surgiu em momentos totalmente despretensiosos.

2-      Praticar atividades físicas. Dar uma caminhada, andar de bicicleta, nadar, correr… pense num esporte que você pode fazer tanto sozinha (afinal, amigos preguiçosos existem) quanto acompanhada, de maneira que você poderá praticá-los acompanhada ou não. O importante é que você faça sem depender de outra pessoa, para evitar que a preguiça alheia acabe condenando seu dia.

3-      Faça artesanato. Você tem talento nessa área? Ou não tem nenhum? Não importa, pode ser divertido do mesmo jeito! Que tal tentar personalizar uma camiseta que você andou pensando em jogar fora? Fazer um corte diferente na cola, remover as mangas, pintar, aplicar miçangas… Ou mudar o look da cortina (pra isso, você tem que ser pra lá de descolada, certo?), ou de uma toalha de banho, talvez daquele pano de prato que já está ficando horroroso.

4-      Cuide das plantas da sua casa. Será que não tem nenhuma merecendo uma água, uma poda dos galhos a mais? Quem sabe mudar alguns vasos de lugar, só de brincadeira, para ver como fica?

5-      Xodó das mulheres: mudar os móveis de lugar! Mesmo que seja para descobrir que ficou horrível e voltar com tudo para os lugares originais, mas a brincadeira já vale. Pode-se passar várias horas ensaiando novas posições para os móveis do quarto ou da sala (que é o cômodo que permite o maior número de arrumações).

Existem outras atividades, umas mais loucas, outras até estapafúrdias (há quem goste de observar as formigas em fila), mas qualquer uma vale. O importante, diva, é não se entregar ao marasmo. Tomara que as ideias acima tenham inspirado você! Vá curtir! 

Por: Beatriz Ansani

Helen Rauen

Relações Públicas, bancária e auto-maquiadora nas horas vagas. Perfeccionista, consumista, chef de sua própria cozinha e com uma pitada de artesanato na veia.

Confira todos os artigos de AUTOR
Seja o primeiro a comentar em Tédio de menos: Saúde mental a mais
Deixe seu comentário:





Procurando algo?

Assine nossa newsletter

Instagram