Tendências das passarelas de Milão

Por 27 / 02 / 2013

Uma das semanas da moda mais badalada da Europa, a de Milão, chegou ao fim e o que falar sobre as coleções apresentadas nas passarelas italianas, que chegarão nas vitrines europeias só no fim desse ano, mas que nós brasileiras podemos começar a “adiantar as tendências”.

Semana da Moda de Milão

Confira as principais novidades da moda em um dos maiores eventos, Milão.

Tendências das passarelas de Milão

O que se viu foi um grande regresso ao passado, muito shape décadas de 30, 40 e 50, destaque para as saias que fazem a silhueta cintura fininha e são volumosas com comprimento abaixo do joelho, o famoso New Look de Dior. E não faltaram as longas luvas de couro chegando até o cotovelo ou o tailleur clássico com a cara de Chanel, sem falar nos longos casacos de lã.

O comprimento tendência das passarelas de Milão é o clássico, aquele sobre o joelho, mas não faltaram os vestidos longos. Já falando de calças, a capri não faltará no guarda-roupa de inverno 2013 da italiana e o shape das calças pode ser de alfaiataria ou bem confortável, com grande volume, principalmente nos quadris.

Nas passarelas de Milão não faltaram as peças de couro, a calça então, passa a ser peça fundamental no armário de quem quer seguir as tendências. Dos acessórios, como as luvas, as jaquetinhas e casacos, praticamente todos os estilistas italianos criaram peças usando o tecido.

Versace

Falando de couro, a textura foi fundamental na coleção Versace, que digamos, era de gosto duvidoso (na minha opinião), as peças eram exageradamente sensuais, aliás, uma das marcas dessa gestão da grife.

Dolce&Gabbana

Se for para falar de grandes nomes, o destaque é total para Dolce&Gabbana, os estilistas sempre fazem, o que na minha opinião é o melhor desfile show, mas normalmente, criam produções lindíssimas, mas que são menos comerciais, são mais apropriadas para celebridades. Dessa vez, eles se superaram, além dos looks tipo princesa, a dupla de estilistas italiano levou várias peças no estilo religioso e também aquele retrô, mas com uma pegada hipermoderna.

Giorgio Armani

Giorgio Armani sempre se consagra, tanto na segunda linha, Emporio Armani, como na primeira Giorgio Armani, ele construiu e desconstruiu, apostou nos acessórios e nos detalhes e levou para passarela muito veludo preto. As suas coleções vestem sempre uma mulher elegante e clássica, mas não desanima as jovens que estão em busca de um look mais glamouroso.

Fendi

Fendi na semana da moda em milão 2013

A Fendi que está desembarcando no Brasil também deixou seu impacto na semana da moda de Milão.

A Fendi, que está com data marcada para desembarcar no Brasil com loja monomarca, primeiro em São Paulo e depois no Rio. Levou para a passarela uma coleção superdivertida, com colorido e muito jovem.

Prada

prada semana da moda de milão

Já o desfile da Padra foi pautado no retrô e muita gente saiu decepcionada, mas convenhamos que o modelo é bonito.

Já Prada, surpreendeu de modo negativo, sempre tão moderna, acabou caindo na tendência retrô e fez sim, peças de bom gosto, mas sem imprimir a própria personalidade.

Gucci

A Gucci seguiu o seu estilo elegante, mas com pegada moderníssima, e apostou de novo na mistura de preto e ouro, que deu super certo na última coleção. Falando de cores, parece que a cor preta não sai da cabeça dos estilistas italianos, eles repetiram a overdose de black e black&white da coleção 2012, o que nos facilita muito na reciclagem do guarda-roupa, mas ao mesmo tempo é um tédio só. Poucos colocaram uma corzinha no inverno 2013, a mais presente depois dos tons neutros foi a vermelha.

Novidades da moda de Milão

Uma outra tendência da moda que saiu dessa edição de Milão foi a mistura de texturas para compor um look. Essa sim meninas, é bom anotar e copiar, porque é uma ótima maneira de reciclar o guarda-roupa de verão. Não tenha medo de colocar uma saia de lã com uma blusa de seda, pode e você ainda estará super na moda.

Look prada milão 2013

Outra modelo do desfile da Prada. O que vocês acharam do modelito?

E para finalizar os acessórios, não pode faltar uma ankle boots no guarda-roupa e nem uma bota de cano longo, daqueles que chegam na coxa. As bolsas são das médias para a clutch, que faz tempo continua em alta. Os acessórios ainda serão maxi, outra ótima notícia para a reciclagem.

Agora é só misturar e entrar o inverno brasileiro com cara de passarela de Milão!

Seja o primeiro a comentar em Tendências das passarelas de Milão
Deixe seu comentário:





Procurando algo?

Assine nossa newsletter

Instagram